#big surf #ondas extremas #ondas grandes #surf #análise #surfguru #atletas #pranchas 
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil

Swell Histórico: Stephan Figueiredo mostra como é a sensação de uma onda na laje do Sheraton

Equipe Surfguru

Surfista do Rio explorou condições extremas no pico da Zona Sul carioca junto à outros Big rides da cidade. É mais uma junção de altas imagens, altas ondas e previsão do Surfguru! Confira!

Aloha!

Você conhece o pico do Sheraton em São Conrado (Vidigal) no Rio de Janeiro? O nosso #embaixadorsurfguru Stephan Figueiredo (@man_at_water) entrou no mar no dia 03/07/2020 durante uma ondulação de sul que encostou na cidade carioca e se jogou nas cracas que estavam quebrando naquele dia.

O pico fica em frente a Praia do Vidigal, uma pequena baía na margem da Av. Niemeyer, que liga São Conrado ao Leblon. Como podemos ver pelo vídeo, a entrada na praia acontece por uma escadaria bem íngreme, já que tem um paredão de terra que se torna o Morro Dois Irmãos. A onda é uma direita que quebra em cima de uma laje muito rasa (como podemos ver no vídeo) e corre para o meio da baía já bem mais cheia. Apesar de não quebrar com a mesma força, é considerada a Waimea carioca, por se assimilar pelo estilo de onda e de certa maneira, ao mítico local havaiano.

Agora vamos para a análise da ondulação!

Como podemos ver pelos mapas abaixo, os dias anteriores à chegada do swell foram de muito vento. A mancha vermelha nos mostra que na quarta-feira (01/07/2020) havia muito vento perto da costa do continente e ele soprava na direção sul-sudoeste. 

mapa de vento para Atlantico sul julho de 2020 mapa de vento para o atlantico sl julho de 2020

Reparem como as cores indicam fortes ventos (cor vemelha) na direção sul-sudoets ao longo de toda quarta-feira (01/07/2020).

Mas a partir de sexta-feira, já não conseguimos ver a pista de vento no mapa próximo ao nosso litoral. Mas podemos ainda perceber que a área em amarelo e verde (vento ainda bem intensos) se afastou do nosso continente, ou seja, a tempestade que gerou a ondulação se moveu rapidamente de um dia para o outro. Com isso, podemos dizer que a ondulação desacoplou da pista de vento e se tornou um swell.

MAPA DE VENTO PARA ATL SUL JULHO DE 2020 GRAFICO DE ALTURA DE VENTO PARA ATL SUL JULHO DE 2020

As manchas mais claras (verde e amarelas) se afastaram do continente, indicando que a pista de vento que formava a ondulação também havia se afastado. Mas ainda havia força nessa tempestade para gerar outras ondulações.

Com isso, podemos ver no mapa de período que havia sobreposição de ondulações no Atlântico Sul: ao mesmo tempo que o vento de sul-sudoeste havia gerado uma ondulação, o rápido deslocamento da pista de vento fez com que a tempestade gerasse outra ondulação em outro ponto do oceano.

MAPA DE PERIODO ATL SUL JULHO DE 2020  MAPA DE PERIODO PARA ATL SUL JULHO DE 2020

Apenas nessas imagens do dia 02/07/2020 (quinta-feira), podemos ver três ondulações diferentes: a mancha laranja que corta o Atlântico é uma, a outra mancha laranja e vermelha indica uma ondulação de oeste e ainda tem a ondulação de sul-sudoeste recém formada abaixo do RJ.

Com isso, chegamos ao início de Julho de 2020 com um gráfico de altura das ondas que eram exatamente assim. Podemos  perceber que já havia uma ondulação de sul com o período de 10 - 11 segundos e entre 1m e 1,5m de altura na cidade quando o novo swell de SSO encostou com 14 segundos de período e 3m de altura.

Outros dois fatores que devem ser destacados são os gráficos de energia e portência, mostrando a força do swell, e o gráfico de vento. Foi uma ondulação que atingiu 2500 Joules de força e 48KW de potência, muito forte para o padrão do RJ e ainda sem vento! Como já citado, a pista de vento se afastou rapidamente da costa, então foi possível receber as grandes ondas em condições não muito adversas. Mesmo sem estar na direção correta, a baixa intensidade do vento possibilitou o surf nas ondas da Laje do Sheraton.

gráfico de altura das ondas para o leblon

Gráfico de altura das ondas para o Pontão do Leblon, RJ

grafico de energia para Leblon

Gráfico de energia e potência das ondas para o Pontão do Leblon, RJ

grafico de vento para Leblon julho de 2020

Gráfico de vento para o Pontão do Leblon, RJ

As condições do dia eram bem desafiadoras. Podemos ver que havia muita energia chegando com as ondas da ondulação na costa do estado e o período também era bem alto. Com isso, Stephan optou por usar uma "gun" com 9’6” x 21 ⅛ x 3 ⅛  (a prancha foi da Maya Gabeira) e ainda ressaltou que para o pico é necessário uma onda com uma ótima flutuação, pois existe muita corrente no outside e até uma prancha de 7 ou 8 pés seria um equipamento "pequeno" para o dia.

mapa de periodo e espectral para Leblon julho de 2020

Mapa de período e espectral para Leblon-RJ para quinta-feira, 02/07/2020

mapa de periodo e espectral para lebon julho de 2020

Mapa de período e espectral para Leblon-RJ para quinta-feira, 03/07/2020

Como todo surf de onda grande, é necessário bastante tempo na água para conseguir surfar algumas ondas e não foi diferente dessa vez: foram 4 horas na água para alguma bombas! No vídeo deu para ver que estava muito pesado e foi possível notar a dificuldade do drop em alguns momentos.

Curtiu a análise? Compartilhe com os amigos!

Quer saber como estava a ondulação naquele dia que você surfou clássico? Pode ter sido em uma surftrip ou no quintal de casa, com o Surfguru PRO você tem acesso ao histórico de 10 anos de ondulações no mundo. Desse jeito é fácil saber quando o mar vai estar bom de novo, basta esperar que as condições estejam parecidas com esse dia que quebrou clássico. E com nosso cupom PRO30, você ainda tem 30 dias grátis antes da primeira cobrança!

Comentários

Galerias | Mais Galerias